ALM – Teste Manager – Clonar ou Copiar?

Introdução

A ferramenta Test Manager trás um excelente recurso para facilitar o gerenciamento do seu Plano de Testes, a possibilidade de Clonar ou Copiar seu Caso de Testes, Suíte de Testes, e Plano de Testes, dando velocidade na criação de Casos de Testes.

Importante

– Se você trabalha dentro de uma mesma versão, com iterações ou sprints diferentes, tem todo o sentido você copiar ou adicionar um caso de teste com todos os seus itens atuais (Requisitos, Tasks de Tempo), pois faz parte da mesma versão, assim poupa-se trabalho de reescrever e realizar os links em cima de um requisito, e até criar tarefa, caso o seu processo permita “zerar” uma Tarefa de medição de tempo e reutilizar a mesma na próxima sprint ou Iteração dentro da mesma versão de produto.

– Se você trabalha em um nova versão, e deseja manter links com work items anteriores, inclusive requisitos, mas que não serão alterados, tem todo o sentido você criar uma suite dentro de um plano de testes, realizar um add de caso de teste e copiar esse caso de teste, pois irá gerar um caso de testes com os work items relacionados do antigo, mas que você poderá manter ou remover, sem afetar o origem.

– Se você trabalha em uma nova versão, e deseja apenas manter os passos e descrição do work item, sem o relacionamento com outros work items, tem todo o sentido você clonar o plano de testes diretamente, pois os casos e suites serão clonados, mas não terá link com requisitos anteriores, dando a você a possibilidade de realizar um link que um requisito novo versionado.

Cenários

Abaixo segue exemplo de cenários e qual a melhor forma de utilização:

Usar os mesmos Casos de Testes dentro do mesmo Plano em Suites de Testes Diferentes

Esse cenário você ganha velocidade, pois os Work Items, Links com Requisitos e Tarefas irão se manter, não sendo necessário escrever ou inserir novos dados.

Obs.: Se você alterar o Caso de Testes copiado, sendo na descrição ou links, irá refletir no Caso de Teste origem.

image

image

image

Se você alterar o Work Item de qualquer uma das suites, irá refletir no outro Work Item. Veja como exemplo a alteração da prioridade do Work Item da cópia, e refletiu no original, ou seja, perde o histórico.

image

image

Usar os mesmos Casos de Testes de outras Iterações ou Plano de Testes em um Novo Plano ou Iteração

Esse cenário você ganha velocidade, pois os Work Items, Links com Requisitos e Tarefas irão se manter, não sendo necessário escrever ou inserir novos dados.

Obs.: Se você alterar o Caso de Testes copiado, sendo na descrição ou links, irá refletir no Caso de Teste origem. Você mantém a relação com o Requisito Primário.

Criar uma suite, pesquisar os Work Items e Adicionar os Casos de Testes.

image

image

Usar os Dados (inclusive links) de um Casos de Testes de outras Iterações ou Plano de Testes em um Novo Plano ou Iteração mas como um Novo Caso de Teste

Esse cenário você ganha velocidade, pois os Work Items, Descrição e Links irão se manter, não sendo necessário escrever ou inserir novos dados.

Obs.: Se você alterar o Caso de Testes copiado, sendo na descrição ou links, não irá refletir no Caso de Teste origem. Você mantém ou não a relação com o Requisito Primário.

Criar uma Suite, pesquisar os Work Items e Copiar o Caso de Teste

image

Nesse cenário, você irá Criar um Novo Caso de Teste e ele levará os Work Items do Caso de Testes Original. Nesse caso você poderá alterar o Caso de Testes e remover os Links que não irá alterar o Caso de Teste origem.

image

Veja, foi removido o link Requirement do novo Caso de Teste.

image

E no original ainda mantém.

image

Usar apenas os Dados (Passos e Descrição do Caso de Teste) de um Casos de Testes de outras Iterações ou Plano de Testes em um Novo Plano ou Iteração mas como um Novo Caso de Teste

Esse cenário você ganha velocidade, pois a Descrição e Passos do Teste irá se manter, sendo necessário realizar o link novamente com Tarefas e Requisitos, por exemplo.

Obs.: Se você alterar o Caso de Testes copiado, sendo na descrição ou links, não irá refletir no Caso de Teste origem. Você deve criar uma nova relação com o novo Requisito (nova versão).

image

image

image

Ou seja, você pode usar qualquer técnica, porém precisa se atendar aos detalhes nas alterações e rastreabilidade.

Alan Carlos

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s